Famosos

Botafogo vence Internacional fora de casa

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias de Portugal

ÉPICO! INCRÍVEL! DE LOUCOS

Jogo recheado de POLÉMICA acabou em vitória do Botafogo, de Luís Castro – que foi expulso ainda antes dos 10 minutos do jogo – em casa do internacional.

Com o médio do FC Porto e internacional português Otávio na bancada – começou a carreira no Internacional, de onde saiu, muito jovem, para o FC Porto – o jogo começou logo com um lance muito POLÉMICO.

O central Philippe Sampaio – que em Portugal jogou no Boavista – foi expulso com vermelho direto aos 7′ num lance super contestado pelo Botafogo. Luís Castro ficou louco no banco – ele que até é conhecido por ser um treinador ponderado e calmo – e também viu ordem de expulsão. Alheio a tudo isso, Edenilson fez o 1-0.

 

Na sequência desse lance, e imediatamente a seguir, John Textor, principal novo acionista do Botafogo – esteve muito perto de ser acionista minoritário no Benfica – desabafou nas redes sociais a dizer que era preciso limpeza no futebol brasileiro.

A vida para o Botafogo complicou -se ainda mais aos 14′, com o golo de Bustos.

No entanto, a equipa de Luís Castro – que esta semana viu o centro de treinos invadido pela “torcida” – protagonizou uma REVIRAVOLTA ÉPICA.

Vinícius Lopes reduziu aos 19′, após assistência de Saravia, ex-FC Porto.

 

Na segunda parte, com o jogo completamente partido e cheio de oportunidades de golo nas duas balizas, Erison fez o 2-2 aos 59′.

No entanto, o golpe de teatro estava guardado para o fim.

O árbitro deu 10′ de desconto e foi mesmo no fim – aliás já passava da hora – que Hugo fez o 2-3 final aos 111′.

No momento dos festejos, Lucas Piazon, ex-Rio Ave e Braga, provocou o banco do Internacional e gerou-se uma ENORME confusão, com pancadaria!!

Nota ainda de destaque para os 2 golos anulados pelo VAR ao Internacional, a Alexandre Alemão (56’) e Mercado (90+4’).

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias de Portugal

 

Deixe o seu comentário: